Casais de séries e filmes que nunca ficaram juntos, mas deveriam!

Ai, o amor! Das muitas histórias que estão por vir, listamos algumas que podendo ou não, nos fizeram querer muito.

Vem de lista e saca os casais mais legais da ficção que nunca aconteceram

Finn e Poe – Star Wars

Na era das PocStars, nada é mais desejado do que esse casal. Um ex-Stormtrooper chocado com a violência do Lado Sombrio da Força conhece Poe Dameron, um prisioneiro da resistência que cria uma grande relação de amizade com Finn.

Dois fofos que têm uma super química. Muitos dizem que esse relacionamento já estava de caso pensado, alguns dizem que não… Mas deveria. Seguimos na luta por esse amor das estrelas!

Dana Scully e Fox Mulder – Arquivo X

Poucos relacionamentos são tão complexos como desses protagonistas. O que se pode perceber é que, desde o começo, os dois vêm sozinhos aquém dos scripts, tomando rumos diversificados como se, assim como nós, tivessem alguma espécie de livre arbítrio. Uma grande mentira!

Ao longo dos 9 anos da série foram passando de colegas a parceiros, de parceiros a amigos, de amigos a amantes…

Já que para o relacionamento de Fox Mulder e Dana Scully nós estamos a anos-luz de um consenso, alguns acham que seria uma grande perda, enquanto outros acham que seria uma oportunidade de observar os personagens de uma outra perspectiva. Arquivo X de forma alguma pede romances, mas que seria bacana… seria!

Daryl e Carol – The Walking Dead

O que falar do amor, romance e momentos graciosos de Carol e Daryl. Uma mulher violentada em diversas formas, chega em seu ápice e ainda nos proporciona uma dupla como jamais vimos.

Não é novidade que desde a primeira temporada existe um laço crescente entre Daryl Dixon e Carol Peletier. A relação começa a ser explorada com a morte daquele que foi o maior vilão que Carol já enfrentou: Ed Peletier.

Muitas coisas aconteceram, e Carol se tornou uma máquina de sobrevivência. Tão imune e sagaz às reviravoltas da vida que ficou complicado uni-la romanticamente com qualquer um.

Independente de qualquer coisa, que a gente queria… a gente queria. Seria lindo e nos daria uma versão falsa de final feliz que essa sociedade ocidental tanto ama.

 

Peggy Carter e Angie Martinelli – Agente Carter

Agente Carter é uma protagonista forte, carismática e inteligente. Na primeira temporada, vimos Peggy se relacionar com Angie Martinelli, mostrando que a amizade entre mulheres é real e a melhor possível.

Uma personagem feminina com pares “românticos” bem definidos acalentou nossos corações sobre a oportunidade de junção entre as duas.

Seria um grande relacionamento e uma ótima oportunidade de dissertar sobre o tema em uma série às vezes um tanto insossa.

Aí sim tinha um casal que deveria existir, mesmo que na ficção.

Karev e Meredith – Grey’s Anatomy

Meredith e Alex são sobreviventes aos mandos e desmandos de Shonda Rhimes. Com inícios muito destoantes, o imaturo Alex Karev chegou à condição de protagonista e foi além depois das saídas de Dr. Shepard e Christina Yang.

“Nós fizemos aquele episódio do jantar, que Meredith e Alex se sentam no chão do quarto e eles têm aquela cena maravilhosa. Eu assisti aquilo e pensei ‘oh, as pessoas vão começar a shippar Meredith e Alex’. Eles são leves e maravilhosos juntos! Mas se você falar isso com a Ellen ou com o Justin, eles vão dizer ‘eca!’, porque eles são como irmãos”, declarou Shonda.

Meredith não merece mais um embuste, mas que eles tem química… eles tem!

 

Nairobi e Tóquio – La Casa de Papel

Olha aí o que podia funcionar, em uma das cenas mais divertidas da série, as duas dançam e se divertem dentro de um quarto.

Nairobi é de longe um dos melhores personagens da série, mostrando que faz o que quer e tem tudo pra conseguir. Empática, feminista e engajada, foi responsável pelos maiores discursos silencioso e sonoros da película.

Tóquio poderia ser mais uma faceta dessa delicadeza entre mulheres que existe no meio da violência.

Seria legal, seria lindo e talvez menos egoísta do que as relações que acontecem durante a trama.

 

Yara Greyjoy e Daenerys – Game of Thrones

Game of Thrones revelou que Yara Greyjoy é lésbica no 7º episódio da 6ª temporada e todos aguardavam seu encontro com Daenerys. Isso aconteceu, a tensão rolou o tempo todo e ficou bem claro que de todos que passaram por ali até o momento, ela tinha oferecido as propostas mais interessantes.

Yara é uma guerreira independente e Daenerys, outra. A gente sabe que dali sairia morte ou guerra, e que talvez pudesse ser mais um joguete da Rainha das Tormentas.

Independente disso, trajetória de ambas seria incrível e nos levaria a questionar muitas coisas.

A treta agora está armada, e ficou quase impossível algo acontecer. Mas, as fanfics estão aí e eu adoraria ler uma sobre elas.

Pois é, esse tinder chamado Chico Rei está armado. Vem com tudo e nos mostre seus casais favoritos por ai. Abraços!