Dia das Mães

“Mãe” é uma palavra curta, daquelas bem simples, uma das primeiras que aprendemos a falar. Vai ver isso tem um motivo: leva tempo pra entender o que ela significa, por isso desde cedo a gente vai repetindo. Mãe, já acabei! Mãe, olha isso! Mãe, cadê minha toalha? Mãe, me dá uma grana? Mãe, essa semana não vai dar pra ir… Mãe, mãe, mãe!

Com o tempo a gente acaba percebendo que é preciso, literalmente, uma vida pra que essas três letras ganhem sentido: só mesmo sendo mãe pra saber! Parece que é um estalo que acontece imediatamente após a maternidade, mais uma dessas coisas da vida que encontram no inexplicável a sua beleza.