Pé na Tábua: Roma

Depois de “Comer, Rezar e Amar”, quem não fica com vontade de zarpar pra Itália que atire a primeira pizza! A vontade que já batia no peito desse que tem origem italiana, não era pequena. Juntando a fome com a vontade de comer, mochila nas costas e Roma à vista! A quentura do nosso sangue latino não é de graça, o italiano tem presença, não pestaneja, fala alto, fala com as mãos e tem amor no peito. Não estranhe ao ver o garçom fazendo seu pedido no balcão aos gritos

A paz invadiu Machu Picchu

Viajar é sinônimo de conhecer o novo. E a novidade me pega de qualquer maneira, pelos olhos, pés, boca ou por sensações que não sei bem como explicar. E a paz de estar Machu Picchu é, para mim, inexplicável. Assim como fica inexplicável para meus amigos o motivo de eu ter passado por lá três vezes nos últimos anos. Mesmo sabendo que a palavra que traduz meu sentimento por lá é “paz”, ela sempre bate de forma diferente. O caminho até a capital do império Inca é um preparo espiritual