We Love T-Shirts – Tudo Sobre a Básica Mais Cobiçada do Mundo!

É mês de aniversário por aqui, e nós estamos cheios de promoções e peças incríveis no nosso site! Mas já pararam para pensar, de fato, como surgiram as famosas T-Shirts? Não? Confesso que também não sabia exatamente como foi esse acontecimento incrível e histórico! Na verdade, a curiosidade surgiu justamente por causa das comemorações, e então resolvi entender um pouco mais sobre essa peça “much lovely”.

Chega a ser intrigante como uma peça pode fazer parte do guarda-roupas de todo mundo, literalmente todo mundo, sem restrições de gênero, idade ou classe: as T-shirts vestem qualquer pessoa! Além de serem peças bastante democráticas, são conhecidas e apreciadas pelo conforto e a versatilidade que carregam. Sem sombra de dúvida, uma das peças mais presentes no vestuário do mundo! Mas onde surgiu essa peça? Quem criou este modelo? Quando surgiu a primeira? Me perguntei tudo isso para tentar descobrir a verdadeira origem dessas queridinhas, que tanto amamos!

Não há um ano certo, um mês, um dia, enfim, não há uma data que marque sua origem, mas há indícios de que as primeiras peças, parecidas com as que usamos hoje, foram vistas ainda na Antiguidade. Nessa época, os romanos usavam uma espécie de túnica dupla, chamada camisia, que eram feitas de linho branco e usadas para proteger da transpiração. Essa tradição perdurou por muitos anos, principalmente com o surgimento dos adornos que enfeitavam as túnicas de cima, que não podiam ser lavadas constantemente.

Para as crianças, até o século XX, as camisias eram as principais vestimentas, desde o batizado até os 6 anos de idade, quando passavam a se vestir como miniaturas dos adultos. Durante todo o século foi praticamente desta forma.

Ainda restrita à Europa, já com o comprimento tipo camiseta, eram usadas pelos homens como parte de baixo, onde começam a aparecer por conta de trabalhadores braçais, que tiravam a camisa de cima para não danificá-las, ficando assim, apenas com a camiseta de baixo.

 

t-shirts europa 1910

Ilustração das Vestimentas de Baixo – Século XX

Além disso, há uma pequena rixa por trás dessa história toda, uma disputa entre os exércitos europeu e americano pela origem da camiseta. Segundo historiadores do velho continente, os Estados Unidos copiaram as camisetas do exército europeu, por conta do calor nos campos de concentração. Desta forma, os EUA levaram consigo as camisetas, e nomearam de T-Shirt, por conta do seu formato em “T”. Durante anos as camisetas permaneciam como parte de baixo, porém, é possível ver em fotos o uso constante da peça à mostra, isso tudo em função do calor e também por conta de trabalhos pesados em determinados momentos.

 

t-shirts de malha

T-Shirts de Malha – Primeira Guerra Mundial

marinha americana trajando t-shirts

Marinha Americana Trajando T-Shirts

Mas foi exatamente em 1938, através do ator Clark Gable, no filme “It Happened One Night”, quando o mesmo tira a camisa e surpreende ao aparecer em cena sem a camiseta por baixo, é que realmente cai por terra o conceito de que, por baixo das vestimentas, camisetas eram necessárias.

Mas foi em 1942 que este conceito realmente se confirma, através de uma capa da revista Life, que estampava um homem trajando uma camiseta da escola militar norte-americana de aviação, provavelmente uma das primeiras camisetas a receber uma impressão de figuras e letras.

Já em 1948, em campanha, o candidato à presidência dos EUA Thomas E. Dewey, lança uma camiseta com os dizeres “Dew it for Dewey”, tornando-a a primeira camiseta de propaganda política. A partir de então, as T-Shirts deixam de ser usadas apenas como parte de baixo e são elevadas ao patamar de peças do vestuário. Mais ou menos nessa mesma época, nos anos 1951 e 1955 , os atores Marlon Brando e James Dean, arrancavam suspiros trajando camisetas nas telonas mundo a fora, o que rendeu a Marlon Brando o título de sex symbol.

 

ihon77

Clark Gable em “It Happened One Night” – 1938

Life-Cover-1942-first-words-printed-on-a-shirt

Capa da Revista Life – 1942

dew-it-with-dewey-t-shirt

T-Shirt do Candidato a Presidência dos EUA  Thomas E. Dewey – 1948

James-Dean-

James Dean de T-Shirt

marlon-brando

Marlon Brando de T-Shirt

Os anos 60 chegam acompanhados de uma nova visão de mundo, uma rebeldia saudável, que contestava o comportamento imposto pela sociedade careta da época. A busca por formas alternativas de se vestir trazia à tona uma multiplicidade de estilos, caracterizados, em sua maioria, por peças expressivas e de protesto, cenário ótimo para libertar de vez as T-Shirts. O que de fato aconteceu! A peça passou a ser usada por diversos grupos políticos, Hippies e Punks como forma de comunicação, por meio de frases estampadas. Neste período as mulheres também passaram a usar as T-Shirts, tornando-as unissex.

Com o surgimento de festivais, como o Woodstock, e o movimento da contracultura no auge, toda e qualquer forma de expressão era válida. Através de nomes como Joe Cocker, Janis Joplin e Jimi Hendrix, as camisetas surgem com novas técnicas de tingimento, como o tie-dye, que arrebatam seguidores festivais afora.

Nos anos 70, seguindo a mesma linha revolucionária, as  T-Shirts viram aliadas da publicidade, ganham as ruas em forma de protestos e atingem grande dimensão através de estampas de bandas consagradas. John Lennon, por exemplo, abandonou o estilo Beatles e aderiu à moda da época, tornando um sucesso a estampa “New York City”, conhecida até hoje.

 

cueca-seculo-xix-4

Vestimenta de Baixo – Década de 1960

tie dye

Hippies Trajando T-Shirts com Tie-Dye

T-shirt-origem-e-significado-história-da-camiseta1-531x600

John Lennon com T-Shirt “New York City”

Na década de 1980 surgem novas influências. O exagero chega em forma de tecidos brilhosos como lurex, peças estruturadas através da alfaiataria e o uso excessivo de modelagens amplas e volumosas, fazendo com que as T-Shirts, passem a ser consideradas peças básicas do dia a dia. Mas os “yuppies”, tribo de jovens ligados ao consumismo e ao individualismo, adeptos de uma moda ostentadora, trouxe para o mercado a logomania, onde grifes de luxo estampavam bem grande suas logos nas T-Shirts.

O mesmo acontece nos anos 90, porém, nunca deixou de ter seu mérito. Do final da década de 70 em diante, todo mundo tinha pelo menos uma peça em seu guarda-roupa. De fato a peça se tornou indispensável ao longo dos anos 2000! Presente até os dias de hoje, em todo o mundo como uma peça atemporal, básica e bastante prática, está presente em vários ambientes, desde academias de ginástica, às mais badaladas festas, principalmente em países com clima quente, como o Brasil.

 

Icônica T-Shirt da Calvin Klein com Logomania nos Anos 90

A Versatilidade das T-Shirts em Vários Estilos 

Atualmente, com o surgimento do “Street Style” (moda de rua), de uma tendência de moda expressiva e contemporânea, as T-Shirts voltaram a ocupar um espaço de destaque na moda. Movimentos, como “genderless”, apresentam alterações que trazem sofisticação e estilo para as peças, além de uma melhor qualidade e conforto, algo bastante procurado hoje em dia. As camisetas surgem em diversos tipos de modelagens, vão desde o “oversized” aos “top croppeds”, além de tecidos que variam do couro ao jeans.

O fato é que as T-Shirts vieram para ficar! Marcas como a Vetements se destacaram com as modalagens “T” nas últimas semanas de moda internacional, e até mesmo marcas de luxo se renderam aos encantos das camisetas, como o caso da Chanel, que apresentou modelos de T-Shirts em sua última coleção resort, desfilada no último dia 03 de maio, em Cuba. E você vai ficar fora dessa? Como bons especialistas no assunto, tem várias t-shirts estilosas e super bacanas em aqui na Chico Rei, aproveite para escolher a sua. Ah! Sem moderação…

 

Vetements-Verao_RTW16_Paris-8

T-Shirt Estilizada – Coleção Vetements Prim/Ver2017 

Chanel Resort 2017 maio/2016

T-Shirt na Coleção Resort 2016 da Chanel

E aí, curtiu o post? Você é fã das T-Shirts também? Comenta aí embaixo pra gente saber!

camisetas chico rei