Até Aqui Tudo Bem: o Livro

Se você acompanha o projeto Artistas Convidados na Chico Rei, já viu alguma estampa desse cara. O projeto de artistas foi criado com o objetivo de construir uma galeria de talentos convidados. Fizemos um trabalho de curadoria em busca de artistas que admiramos e temos certeza que a arte toca e torna o intangível uma presença e tanto na vida das pessoas, por isso sempre queremos ver quem tem esse dom tendo a oportunidade de ser visto.

O cara que falamos lá em cima é o Rafael Corrêa, um cartunista pra lá de foda que temos na galeria!

Com vocês, o cartunista

O Rafael nos contou que gosta de arte desde que era moleque e que com 10 anos de idade (!!!) já sabia que seria cartunista. Ilustrar é a forma de expressão principal do artista e ele diz que é “a maneira como interajo e compreendo o mundo.”

Por que estamos falando dele? É que esse cara superbacana e talentoso tá com um projeto sensacional: vai transformar 10 anos de trabalho em um livro!

O projeto

Perguntamos pro Rafael: por que um livro nesses tempos internéticos? Direto da descrição no Catarse a resposta:

“Apoiar a produção intelectual – Todos sabemos que viver de arte é cada vez mais difícil. Viver de produção intelectual onde 90% da audiência está na internet é praticamente inviável. São plataformas como o Catarse e outras de financiamento contínuo que permitem que possamos viver de produção intelectual sem morrer de fome (e, claro, a venda de prints, camisetas, livros), e dessa forma você pode contribuir diretamente e de forma efetiva para que eu possa continuar fazendo piadas engraçadas (outras nem tanto).”

Direto do Rafael:

“Atualmente os artistas têm na internet um grande canal de divulgação, mas tudo é muito efêmero e difuso. Acredito que organizar o meu trabalho em formato de livro físico seja a melhor maneira de preservá-lo. Ainda sou um dependente do papel.”

Se você quiser conhecer um pouco mais sobre o Rafael, é só vir aqui. 

E sobre o projeto do livro Até Aqui Tudo Bem, bem aqui. Ele está com um financiamento coletivo aberto na plataforma do Catarse. Além disso, existem várias formas bacanas de ajudar e ainda com recompensas ultralegais!

Pra acabar, perguntamos pro Rafael o que ele espera para o futuro da ilustração e se liga nessa resposta:

“A ilustração será cada vez mais necessária. Sabe aquela expressão clássica: entendeu ou quer que eu desenhe? Na maioria das vezes só ilustrando para fazer a galera entender.”

Vem apoiar a arte e a cultura, o futuro agradece =)

Vídeo do projeto: