Um Pé de Biblioteca: plantando livros!

O Instituto Um Pé de Biblioteca espalha a semente da educação e da leitura por todo o país através da construção de bibliotecas com apoio solidário de empresas. Esse trabalho é feito de voluntários e organizações que a acreditam na educação como ferramenta de transformação.Quando conhecemos o projeto, ficamos encantados e juntos estamos uma coleção lindíssima de literatura, que vai conferir parte da renda para o UPDB. Pra vocês conhecerem mais essa iniciativa do bem, batemos um papo com o pessoal do instituto. Se liga:Chico Rei: Como o

Melhores livros de 2016 que vão estar sempre entre os melhores

Melhores livros de 2016, acaba o ano, e o que ficam são aqueles vários livros comprados e não lidos. Para quem estabeleceu metas de leitura, fiz essa lista de melhores livros de 2016, a fim de dividir as grandes e boas experiências literárias que tive no último ano. É complicado conseguir selecionar as melhores leituras de um ano. Em um 2016 marcado por boas opções literárias, vou optar só por três. É óbvio que é uma lista pessoal, e escolhi falar de poucos e bons livros que acredito que perpetuarão

Especial Star Wars Day

Há muito tempo, em uma galáxia distante, surgia uma saga de filmes que mudaria para sempre a história da Cultura Pop. E quando o assunto é Star Wars, a gente não economiza na criatividade! Pra saudar a série de filmes (e livros, e games, e quadrinhos etc etc etc) mais bacana de todos os tempos, preparamos um especial bacanudo com a Linha do Tempo definitiva do universo Star Wars! Clique na imagem abaixo e confira: E claro que a garbosidade não poderia ficar de fora: as camisetas de Star Wars

Uma bela surpresa no Dia da Toalha!

Tinha me esquecido como era bom ler Douglas Adams e precisava me atualizar sobre as poderosas lições sobre a vida o universo e tudo mais até que ganhei de presente de aniversário esta relíquia! Sim, este livro foi escrito nos anos 80 logo após a conclusão de “O Guia do Mochileiro das Galáxias“, na época em que o autor estava se dedicando aos roteiros de Doctor Who. E para nosso deleite, finalmente a saga cômico/policial/nonsense com toques de horror e viagens no tempo chegou ao Brasil numa edição

Um Lugar Perigoso

Para quem gosta de literatura policial este é um prato cheio! Luiz Alfredo Garcia-Roza consagra-se definitivamente como um dos autores mais prolíficos de uma geração tardia de escritores noir, ajudando a moldar e elevar a qualidade da produção literária nacional nos últimos 20 anos. Conheci a obra desse mestre das letras através do meu pai – outro fã incondicional de romances policiais – e me lembro que na época eu era daqueles estudantes leitores que devoram mais de 40 títulos por ano sempre em busca de algo novo, sem preconceitos, filtros ou

Três Trilogias para Três Tipos de Leitores

Ok, o assunto é trilogia mas não vamos falar nem de O Senhor dos Anéis muito menos de Cinquenta Tons de Cinza. Fato é que independente do estilo literário, este formato editorial produz um efeito de fascínio quase hipnótico tanto em escritores quanto em nós, pobres leitores, que ficamos esperando o lançamento do próximo volume. Melhor ainda é quando descobrimos uma trilogia já completa. Assim dá pra ler tudo de uma vez! 😉 Aqui vão três dicas completamente diferentes entre si para você devorar: Uma das minhas sagas preferidas já ganhou

Books & Tattoos: uma combinação inspiradora!

Sabe aquele livro que marcou sua vida? Tem sempre aquela frase ou trecho que a gente guarda na memória pra sempre e não consegue se esquecer, né? Algumas obras são realmente inspiradoras e merecem ser eternizadas. Mas se você não se contenta em gravar suas histórias do jeito tradicional, o jeito é entrar na agulha e prestar um tributo de forma bem criativa para seus títulos e personagens preferidos. Confira algumas tatuagens incríveis inspiradas em livros que adoramos! Nós que trabalhamos com camisetas, sabemos como é tentador querer estampar uma

Cinco Livros Para Ler Neste Verão!

Você é daqueles que não dispensa uma boa leitura mesmo em dias de calor e está sempre em busca de novidades para sua estante? Aqui vão algumas dicas para ler na praia, na piscina, na rede, no sofá… Bem, o local fica à sua escolha desde que a leitura seja boa e refresque (ou não) a sua mente! Selecionamos algumas novidades (e outras nem tão novas assim) para inspirar a estação mais quente do ano e começar 2015 com muita criatividade! Esta biografia revela um dos períodos menos conhecidos e

Quantas páginas você consegue ler em um ano?

Trocar qualidade por quantidade nem sempre é um grande negócio, principalmente se levarmos em conta o tempo necessário para cumprir uma meta arriscada. Mas este ano alguns blogs de literatura lançaram um desafio para estimular seus leitores a compartilharem suas experiências e interagir entre si resenhando sobre cada obra lida durante o ano de 2014. A ideia proposta pelos **bookaholics **de plantão é sair da zona de conforto, se desapegar do atrativo de capas, títulos, estilos, autores e ler tudo que tiver pela frente para alcançar o maior número de

O Pacto

Horns vai estrear no cinema em breve, mas ainda dá tempo de ler o livro que inspirou este thriller sobrenatural! O filme é uma adaptação do best-seller escrito por Joe Hill (filho prodígio de Stephen King) e conta a história de Ig Perrish (Daniel Radcliffe), um jovem de 26 anos que tem a vida virada pelo avesso quando sua namorada é estuprada e morta, deixando-o como principal suspeito. O caso é arquivado por falta de provas e mesmo um ano após a tragédia, nada foi provado ou descoberto ainda, o

O Cemitério dos Livros Esquecidos

Algumas pessoas acreditam que não somos nós (leitores) quem escolhemos os livros e sim o contrário. Eles ficam de tocaia nas prateleiras esperando para dar o bote e seduzir a presa mais especial. Considerando que isto seja verdade, acho que fui um baita sortudo ao ser hipnotizado pela obra do escritor espanhol Carlos Ruiz Zafón. Poucos autores são capazes extrapolar as fronteiras das estantes e nos transportar a um mundo completamente novo. Estou falando daqueles gênios que conseguem encantar o leitor já nas primeiras linhas, fazendo com que mergulhemos de